segunda-feira, 7 de agosto de 2017

316 - Terras de Capelins

Vila Real - vizinha de além Guadiana




Vila Real (em espanhol, Villarreal) ou Nossa Senhora de Vila Real é uma aldeia situada sobre o rio Guadiana, em frente à povoação fortificada de Juromenha de aquém Guadiana. A sua soberania é disputada entre Portugal e Espanha. Historicamente pertencia ao Concelho de Juromenha e chamava-se  Aldeia da Ribeira. Com a administração de Olivença pela Espanha, até à margem do rio Guadiana, a povoação foi igualmente anexada, tendo sido incorporada no Município de Olivença.
Possui cerca de 87 habitantes, de acordo com dados de 2007, encontrando-se a 12 km de Olivença.
No século XIII, o rei português D. Sancho I outorgou o mestrado de Nossa Senhora de Vila Real à Ordem de Avis, na pessoa de um dos seus primeiros Mestres, D. Gonçalo Viegas.
Em 1708, as duas Paróquias que então constituíam a vila, Curado e São Brás, dispunham ainda de um Capelão da Ordem de Avis.
No início do século XVIII, a vila possuía cerca de 200 habitantes.
A Paróquia de Vila Real é dedicada a Nossa Senhora da Assunção. O Templo é uma construção caiada de reduzidas proporções e arquitectura simples, semelhante a uma Ermida rural. Planta rectangular, abobadada, cabeceira rectangular e copulada, sacristia e capela baptismal anexa.     
Na estrada de acesso localiza-se a modesta Ermida de Sant’Ana.

Vila Real 



Sem comentários:

Enviar um comentário

446 - Terras de Capelins  História de Capelins  A Doação das Vilas de Terena e de Ferreira, por D. Fernando I, a sua filha a Infanta ...