terça-feira, 12 de setembro de 2017

194 - Terras de Capelins: Faleiros - Ferreira de Capelins - Montejuntos 
História, lendas e tradições das terras de Capelins
O Algarve de Água e o Algarve Seco de Capelins 
O subsolo das terras de Capelins, parece ser fértil em minérios, com mais abundância em ferro, vindo daí a toponímia da Vila de Ferreira Romana. Ainda hoje, se encontra aberta uma das minas  Romanas, constituída por um poço retangular escavado na vertical e depois a cerca de 4/5 metros de profundidade sai uma galeria na horizontal na direção sul com dimensões indefinidas! A esta mina Romana, os nosso antepassados designaram por Algarve de Água e fica situada na Defesa de Ferreira de Cima, junto à estrada Ferreira - Rosário. Passados 1900 anos surgiu outro Algarve, o Seco, mas este na Defesa de Ferreira de Baixo, separando-os mais de um quilometro de distância, reforçada por um vale e um grande outeiro! As gerações mais recentes achavam estranho essa designação e, queriam saber porque motivo se chamavam Algarves, sendo a dúvida ainda maior na Escola Primária quando começavam a estudar as províncias de Portugal, porque, ainda maior era a confusão entre os Algarves de Ferreira e a província do sul! O mito era evidenciado quando os mais velhos contavam que, uns homens das minas, tinham derramado azeite no Algarve de Água e esse azeite apareceu no Algarve Seco, por isso, diziam que ambos estavam de alguma forma ligados, decerto por um túnel que abriram noutros tempos, provavelmente os romanos! Mas não deixava de existir uma contradição, porque o Algarve Seco, só foi escavado nas primeiras décadas de 1900, por coincidência 1900 anos depois do outro e, se o Algarve era Seco, como foi transportado o azeite? E quem desperdiçava azeite naqueles tempos de tanta miséria? Isso, nunca teve explicação, mas não importava, fosse como fosse, havia ali um mistério! E o mistério continua, porque este mito vai passando de geração em geração e temos de acreditar nos nossos avós! 
Agora, viemos saber que não existe ali nenhum Algarve, mas sim, Algar de Àgua e Algar Seco! E que Algar significa: Cova profunda feita pelas torrentes e enxurradas ou Caverna! 
Naquele caso, podiam ser Algares, ou Foyos/Fojos como outros que existem perto de Alandroal, mas somente se fossem abertos pela natureza! Aqueles não foram, pelo menos o que está à vista!

Mina Romana de Ferreira - Capelins



Sem comentários:

Enviar um comentário

288 - Terras de Capelins  História de vidas de Gentes das terras de Capelins  Família "Romão" de Capelins e arredores  Co...