sábado, 4 de novembro de 2017

356 - Terras de Capelins: Faleiros - Ferreira de Capelins - Montejuntos 
História, lendas e tradições das terras de Capelins 
A ampliação da Igreja de Santo António de capelins em 1891 
Conforme Túlio Espanca, (Inventário Artistico de Portugal, 1978): 
"Do primitivo edifício, com traça dos fins do século XVI (...) apenas subsiste o presbitério cupular, algumas empenas laterais de cornijas polilobadas, em grossa alvenaria rebocada, e, o portal granítico, adintelado, de verga losângica e cruz relevada.
A fachada, de frontão arredondado, sofreu uma profunda modificação na centúria oitocentista que alterou as proporções da nave e lhe fez perder o alpendre (...)! 
O interior de planta retangular, compõe-se de nave muito alongada, hoje de abóboda redonda mas que era de tabuado, (...)! 
Conforme o Pároco Manoel Ramalho Madeira, (Memórias Paroquiais de 1758):
A Igreja: "O seo Orago he Santo António (...) não tem naves, he forrada de madeyra)"! 
Nestes dois testemunhos, podemos aferir que existiram grandes alterações estruturais na Igreja de Santo António entre 1758 e 1978, em 220 anos! 
Até aqui, existia mais um segredo das terras de Capelins: Em que ano se deu a grande modificação na estrutura desta Igreja? É verdade que, Túlio Espanca escreve que foi no centauro de 1800, sem indicar o respetivo ano! Pensamos que, para umas obras tão grandes, tinha de existir algum tempo de suspensão da atividade religiosa nesta Igreja, assim, fomos percorrer os assentos de nascimentos e casamentos dos anos de 1800, até chegarmos ao ano de 1891, no qual, pelo menos entre o mês de Agosto e o mês de Novembro desse ano, quatro meses, a Igreja Paroquial foi a Igreja de Nossa Senhora das Neves, onde se realizaram 10 matrimónios, dos 17 desse mesmo ano! 
Neste contexto, sem prova em contrário, foi no ano de 1891 que se deu a grande alteração estrutural da Igreja de Santo António de Capelins! 
Os matrimónios realizados na Igreja de Nossa Senhora das Neves, e datas, foram os seguintes:
1 - Dia 2 de Agosto de 1891
Joaquim Ramalho
Mariana de Jesus
2 - Dia 9 de Setembro de 1891
Gaspar Ramalho
Domingas Isabel
3 - Dia 13 de Setembro de 1891
Balthasar Rosado
Maria Narcisa
4 - Dia 27 de Setembro de 1891
Joaquim Balthasar 
Maria Catharina 
5 - Dia 28 de Setembro de 1891 
António José Laurentino
Maria Clemente Moreira
6 - Dia 25 de Setembro de 1891 
Manuel da Rosa 
Maria Joaquina 
7- Dia 31 de Outubro de 1891
José Laurentino 
Gertrudes Francisca 
8- Dia 10 de Novembro de 1891 
Domingos António 
Albertina Maria
9-  Dia 11 de Novembro de 1891 
Manuel Francisco Pacheco 
Joaquina Maria 
10 Dia 9 de Novembro de 1891 
Joaquim Baptista 
Maria Rosária 

A partir do dia 15 de Novembro de 1891 a Paróquia voltou à Igreja de Santo António! 

Segundo Túlio Espanca, após as grandes alterações da estrutura da Igreja de Santo António (1891), apenas ficou o presbitério da cúpula, que é o espaço onde fica o altar mor do orago Santo António, algumas empenas dos lados e, o portal granítico (ombreiras da porta grande a ocidente, sendo o espaço da Igreja aumentado para o dobro e sacrificado o alpendre), essas partes são primitivas, antes de 1518 (500 anos), tudo o resto, foi novo. 

Matrimónio na Igreja de Nossa Senhora das Neves 1891




Sem comentários:

Enviar um comentário

446 - Terras de Capelins  História de Capelins  A Doação das Vilas de Terena e de Ferreira, por D. Fernando I, a sua filha a Infanta ...