terça-feira, 9 de maio de 2017

125 - Terras de Capelins: Faleiros - Ferreira de Capelins - Montejuntos 
 História, lendas e tradições das terras de Capelins
A Lenda do Tesouro na Fonte da Sina 
A Fonte da Sina situa-se na encosta Este do planalto com a mesma designação, deu sempre água muita afamada e curava algumas maleitas, dava de beber aos capelinenses que residiam junto à Igreja de Santo António, aos que por ali passavam e aos que vinham propositadamente buscar água para beber e outros fins em suas casas. Conta-se que, a sua origem esteve no sonho de um homem, chamado João Gomes, que morava em Capelins de Cima e, todas as noites sonhava que, exatamente naquele lugar estava enterrado um tesouro, (sabemos que o planalto da Sina, era povoado desde o período do calcolítico, há mais de 5.000 anos, existindo mesmo uma necrópole nesta região), depois do sonho se repetir por várias noites, o Ti João, contou à mulher o que se passava, mas ela não acreditou, só podia ser uma parvoíce, isso podia lá ser e disse-lhe para tirar aquilo da cabeça. Porém, o sonho continuou e, uma noite, depois de um dia duro, de trabalho, o Ti João acabou de cear (jantar), pegou numa enxada e numa pá e foi direitinho àquele lugar, cavou, cavou, tirou terra, durante quatro ou cinco horas, até estar tão cansado e desanimado, já tarde, teve de parar e voltar para casa, e não pensava em voltar lá, mas nessa noite voltou a sonhar com o tesouro, que parecia ser uma panela cheia de moedas de ouro. O Ti João teve pouco tempo para dormir, porque de madrugada teve de se levantar e ir trabalhar na Defesa de Ferreira, até ao pôr do sol. Na noite seguinte, chegou a casa, ceou, pegou numa picareta e na pá e foi cavar no mesmo lugar, novamente, até não poder mais e, isto repetiu-se por mais de uma semana, estando a escavação com mais de dois metros de profundidade e não apareceu nenhum tesouro. O Ti João andava num estado lastimável, muito cansado, sem dormir o suficiente e sem resultados, mas continuava a sonhar com o tesouro, já não podia mais e desacreditado desistiu. Pouco tempo depois, começou a jorrar água daquele lugar, muito pura e cristalina, com as qualidades antes descritas, o que não deixou de ser um tesouro! 

Dois séculos mais tarde, o tesouro anunciado no sonho do Ti João, apareceu alguns metros mais abaixo da Fonte da Sina, era de verdade uma panela cheia de moedas, encontrada por um rapaz que armava armadilhas aos pássaros na lavoura que um grupo de trabalhadores estavam fazendo neste lugar e o Ti João, deixou-nos a Fonte da Sina!

Planalto da Sina - Capelins 



Sem comentários:

Enviar um comentário

281 - Terras de Capelins  O edifício da Ermida de Nossa Senhora das Neves - Capelins  Até ao ano de 1667 encontramos no Arquivo Distr...